Arquivo de 2010

  • Fila na casa verde. Noite e neblina na Santa Maria de ontem, dia 26 de junho. Uma nuvem cinza de umidade se espalha, mas não repele os frequentadores do Macondo Lugar, casa de shows e movimentação cultural da cidade. Ontem, a noite era da banda porto-alegrense Apanhador Só continuar a turnê de divulgação do primeiro álbum, lançado em abril. Rock, música popular brasileira, tango. Instrumentos usuais numa banda e outros nada convencionais. Publico atraído pela sonoridade, pelas composições e melodias – e por algumas outras coisas que talvez não se saibam explicar ao certo. Nem sempre é fácil encontrar um destaque e, no caso da Apanhador, leigos e entendedores concordam que os experimentalismos fazem dela um. Iniciando a noite, subiu...

    APANHADOR SÓ NA CASA VERDE

    Fila na casa verde. Noite e neblina na Santa Maria de ontem, dia 26 de junho. Uma nuvem cinza de umidade se espalha, mas não repele os frequentadores do Macondo Lugar, casa de shows e movimentação cultural da cidade. Ontem, a noite era da banda porto-alegrense Apanhador Só continuar a turnê de divulgação do primeiro álbum, lançado em abril. Rock, música popular brasileira, tango. Instrumentos usuais numa banda e outros nada convencionais. Publico atraído pela sonoridade, pelas composições e melodias – e por algumas outras coisas que talvez não se saibam explicar ao certo. Nem sempre é fácil encontrar um destaque e, no caso da Apanhador, leigos e entendedores concordam que os experimentalismos fazem dela um. Iniciando a noite, subiu…

  • Se você, caro leitor da @revistaovies, conhece o universo do microblog de mensagens de até 140 caracteres, o twitter, sabe bem a respeito do tema que tratarei a seguir. Ultimamente, temos recebido dúzias e mais dúzias de mensagens de outros usuários repudiando atitudes da mídia tradicional. Os ataques estão direcionados seja à emissora ou seja aos seus subordinados, mas o que não pode mais faltar no cotidiano de quem utiliza o site é alguém reclamando do quê ou de quem for. Plenamente natural, se levarmos em conta que o twitter tem funcionado como a tribuna popular dos agregados às mídias sociais. Tiro duas conclusões disso. Primeiro: é de que as pessoas estão vendo além do que a Vênus platinada quer...

    XINGANDO MUITO NO TWITTER

    Se você, caro leitor da @revistaovies, conhece o universo do microblog de mensagens de até 140 caracteres, o twitter, sabe bem a respeito do tema que tratarei a seguir. Ultimamente, temos recebido dúzias e mais dúzias de mensagens de outros usuários repudiando atitudes da mídia tradicional. Os ataques estão direcionados seja à emissora ou seja aos seus subordinados, mas o que não pode mais faltar no cotidiano de quem utiliza o site é alguém reclamando do quê ou de quem for. Plenamente natural, se levarmos em conta que o twitter tem funcionado como a tribuna popular dos agregados às mídias sociais. Tiro duas conclusões disso. Primeiro: é de que as pessoas estão vendo além do que a Vênus platinada quer…

  • As embalagens nas prateleiras dos supermercados relembram montanhas, vacas gordas pastando ao lado de um camponês feliz que com seu chapéu de palha espera, uma nona sorridente que eleva uma tigela com leite branco aparentemente saudável. A bucólica figura dos grotões pastoris e suas botoeiras jorrando fumaça pela chaminé num alvorecer frio. O mundo rural na caixa de leite condensado parece perfeito. Mas não é. Vêm da extensa zona rural brasileira, há décadas, as mais variadas e fundamentadas críticas ao sistema capitalista vigente e suas políticas favoráveis à agroindústria multinacional. O êxodo rural com maior força em décadas passadas, o pequeno produtor sendo coagido por planos desmedidos de multinacionais e plantações de subsistência agora entregues a um grande patrão sem...

    AGRICULTURA NO PÁTIO

    As embalagens nas prateleiras dos supermercados relembram montanhas, vacas gordas pastando ao lado de um camponês feliz que com seu chapéu de palha espera, uma nona sorridente que eleva uma tigela com leite branco aparentemente saudável. A bucólica figura dos grotões pastoris e suas botoeiras jorrando fumaça pela chaminé num alvorecer frio. O mundo rural na caixa de leite condensado parece perfeito. Mas não é. Vêm da extensa zona rural brasileira, há décadas, as mais variadas e fundamentadas críticas ao sistema capitalista vigente e suas políticas favoráveis à agroindústria multinacional. O êxodo rural com maior força em décadas passadas, o pequeno produtor sendo coagido por planos desmedidos de multinacionais e plantações de subsistência agora entregues a um grande patrão sem…

  • Cinema adolescente, cinema adolescente triste, cinema adolescente em crise. Para qual tipo de público Esmir Filho filmou “Os famosos e os duendes da morte”? Talvez para qualquer espectador. Com o cuidado de gravar cenas arrepiantes e belíssimas, vide a imagem que ilustra essa resenha, quando os personagens de Henrique Larré e Samuel Reginatto fumam sobre os trilhos e as luzes desfocadas das casas desenham como fundo grandes círculos cheios de luz, o diretor iniciante em longas conseguiu fazer um filme que vale ir ao cinema. O público mais velho (consideremos essa vida rápida), de passados vinte anos, encara o filme de uma maneira diferente do jovem usuário das tantas redes sociais, câmeras fotográficas, celulares, computadores, fios, pixels…Quase tudo em “os...

    OS FAMOSOS E OS DUENDES DA MORTE

    Cinema adolescente, cinema adolescente triste, cinema adolescente em crise. Para qual tipo de público Esmir Filho filmou “Os famosos e os duendes da morte”? Talvez para qualquer espectador. Com o cuidado de gravar cenas arrepiantes e belíssimas, vide a imagem que ilustra essa resenha, quando os personagens de Henrique Larré e Samuel Reginatto fumam sobre os trilhos e as luzes desfocadas das casas desenham como fundo grandes círculos cheios de luz, o diretor iniciante em longas conseguiu fazer um filme que vale ir ao cinema. O público mais velho (consideremos essa vida rápida), de passados vinte anos, encara o filme de uma maneira diferente do jovem usuário das tantas redes sociais, câmeras fotográficas, celulares, computadores, fios, pixels…Quase tudo em “os…

next payday advance | cialis professional | weight loss by specialist | http://www.revistaovies.com/resenhas/2010/12/historia-de-um-pais-fechado/ | inheritance cash advance